Super Homerun Mania › Jogos Grátis Online

Super Homerun Mania


Super Homerun ManiaDescrição Do Jogo

Super Homerun Mania, Super Homerun Mania gratis, jogos de corrida e Super Homerun Mania, Super Homerun Mania Jogo

é um retrato da vida familiar muito interessante.” Blu, o que foi? Bom dia. Bortoluzzi, pode por favor fechar a porta? Venha. Muito bem. Hoje para a alegria de vocês, começaremos corrigindo a tarefa. Mantoni, sente-se e largue o celular. Obrigada. Sente-se ou vai irritá-la. Mantoni, o telefone! Mantoni… Mantoni, aonde vai? O que houve? Não sei. Vou te suspender! Hoje minha filha me contou que tem novos amigos: um é e o outro não. Passam muito tempo juntos. Tempo demais? Não tenho certeza se gosto deles. Agora ela sorri mais, mas ainda tem aquele ar de tristeza e abandono que parece ser pré-requisito para os adolescentes de hoje. Eu também era assim? Tão despreocupada e tranquila? Às vezes, no sofá, ela parece uma criança. Olho para ela e penso em mim quando tinha sua idade. Aonde vai? Pare! Não tem permissão para sair! Diz que está apaixonada pelo namorado eu a vi beijando a foto dele que tem no quarto. Minha filha é romântica. Quem diria? Parece tão ousada, mas então suas pernas tremem. O que mais me chama atenção é sua apatia, a falta de perspectiva de futuro. O que farão da vida quando crescerem? E se eu não soube transmitir nada a ela? Nenhum dos meus sonhos. Ela não sonha, apenas desliza. É possível olhar para sua própria filha e vê-la ao mesmo tempo como seu orgulho e seu fracasso? Olá, o que faz aqui? Blu! O que está fazendo? Minhas coisas estão aí dentro! “Minha filha é romântica, depressiva, tem um amigo e outro não. Minha filha não sonha…” Como se atreve a falar da minha vida? Não falo da sua vida, falo da minha. E nunca disse que… Publicou coisas minhas na internet sem me consultar! Você é incrível. Faço isso para mim. Preciso escrever sobre a minha vida ou enlouqueço. Não entende que faço por mim? Olhe só para você. Não se envergonha? Precisa usar minha vida para ser escritora? Não é nada disso. Claro. O papai sabe o que você fala dele? “Meu marido se transformou naquilo que nunca quis ser.” E o Luca? “Meu filho não é muito brilhante.” Você contou para eles? Ninguém sabe. Só você e eu. Blu, você sempre me compreendeu. É uma leitora ávida, escreve redações maravilhosas. Tire suas mãos de mim! Eu te odeio! Não pode dormir na rua. Quero voltar quando já estiverem dormindo, ou passarei a noite aqui. Eu já estou com frio. Alguma vez já se imaginaram em outro lugar? Sempre. Mas então acordo neste lugar de merda. Não me refiro a sonhar que está em outro lugar, e sim imaginar que as coisas são diversas. Eu sempre faço isso, por isso sou tão fabuloso. Claro. Quando não quero ver algo, eu não a vejo. Vou para outro lugar com a minha mente. Como por exemplo? Como… Como se todos me adorassem. Certo, tchau. Vinho demais. Ou de menos. Tem mais? É minha mãe. Tenho que ir. Nos vemos amanhã. Blu, vá para casa, certo? Pode deixar. Tchau. Tchau. Me abrace, estou com frio. Nem pense. Ele é um filhinho da mamãe. Não é, eles o querem por perto porque têm medo. Você conheceu o irmão dele? Conhecia de vista, era um cara esperto, sempre rodeado de amigos. Igualzinho o Antonio… Eram muito unidos? Não sei. Ele se chamava Massimo.


Comentários